quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

Mais amor para 2012


E mais um ano passou voando. E depois desse vem mais um. Mais um ano cheio tragédias, de violência, insegurança e pessoas malvadas, talvez, até pior do que esse que passou, não, talvez não, muito provável. Impressionante foi a quantidade de crueldade que vimos na mídia, principalmente neste segundo semestre. Não que não existia, mas acho que este ano os malvados foram mais expostos pelas pessoas que estão fartas de tanta coisa acontecendo impunemente por aí. E a cada notícia, a cada vídeo, a cada foto publicada ficamos cada vez mais espantados, cada vez mais chocados e cada vez mais indignados.

O que está acontecendo com o mundo? Como as pessoas podem perder a cabeça a esse ponto? Como podem ser tão cruéis?

Infelizmente, é triste pensar que a realidade tende a ser pior, que as pessoas matarão mais, roubarão mais, destruirão mais. Não é o que eu espero de 2012, não é o que eu quero ler nas notícias no ano que vem. Por isso, desejo sanidade em 2012, sanidade e “Mais amor, por favor” (pegando emprestado o lema do artista Ygor Marotta) que as loucuras sejam apenas para o bem, que as pessoas possam ter um tempo para contar até 10 antes de cometer qualquer ato cruel e que as autoridades cumpram seu papel.

Que venha 2012 trazendo boas energias, menos crueldade e mais amor.

quinta-feira, 22 de dezembro de 2011

A Corrente do Meme - Ano III

É legal ver que nossas prioridades mudam demais ano após ano. Que nossos desejos já não são mais tão desejáveis assim, que talvez coisas mais simples deixem nossa vida mais feliz e que a felicidade também relativa. E mesmo com todos os desejos realizados, podemos não estar completamente felizes. 

Não que eu tenha realizado os meus seis desejos, mas a percepção é que mudou. E como a cada ano alcanço mais um deles, este ano que passou, realizei mais dois: fui à Salvador passar o Carnaval novamente (foi tão bom que eu quero ir de novo e com a mesma companhia) e tenho uma cachorra grande! Não tão grande como ela deveria ser, mas recheada de encrencas! 


E para 2012, alguns desejos permanecem os mesmos, porém, com visões diferentes. Acho que estou no caminho certo para realizá-los, pelo menos. São desejos a longo prazo, claro, mas já que são os apenas oito antes de morrer, que alguns perdurem até lá, para que nunca desistamos de sonhar!


1- Ter um amor para a vida toda. (Acho que estou no caminho certo)
2- Colecionar amigos verdadeiros. (Alguns muito antigos, alguns novos, mas todo que valem ouro)
3- Conhecer diferentes lugares no mundo. (Acompanhada, de preferência, da pessoa do item 1) 
4- Andar de balão. (Não sei porque, mas ainda quero)
5- Fazer um mundo melhor. (Tento, tento todos os dias, mas não com tanto afinco como gostaria)

As ordens podem estar mudadas. Talvez, hoje, nesse momento, alguns desejos façam mais sentido do que outros. E que fique bem claro que não são metas para 2012, e sim, para todos os dois mil e tantos que virão por aí. 

E para complementar aqueles que já foram ticados, seguem mais três:

6- Escrever um livro. (Não sei se dou conta)
7- Aprender a cozinhar. (Já sei assar Chester!)
8- Estar mais perto da minha família, sempre. 

Para quem quer entender um pouco melhor da Corrente do Meme, segue o Ano I e o Ano II.


sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

Lamentável Sony

Comprei uma TV Bravia da Sony há uns dois anos, depois que completou um ano, justamente o tempo da garantia, ela resolveu aparecer listras na tela ao invés da imagem. Levei em uma assistência técnica que demorou anos para que tentassem consertar  atelevisão, alegando que a peça não chegava e se justificando que é muito complicado consertar TVs da Sony por esse motivo. 

Enfim, levei em uma segunda assistência que me enviou um orçamento com valor semelhante a uma nova televisão. Desisti e fiquei com a dúvida do que fazer com ela. Queria jogá-la no lugar correto de reciclagem, mas foi em vão... Procurei pela internet, liguei em cooperativas de reciclagem, me disponibilizei a levar em qualquer lugar, mas nada. Resolvi procurar a Sony e como era de se esperar, eis a resposta:


Boa tarde senhora Camila,
A Sony Brasil, empresa que possui responsabilidade com a preservação do meio ambiente, gostaria de parabenizá-la  por preocupar-se com o descarte ecologicamente correto de seu produto.
Todavia informamos que no momento a Sony Brasil não dispõe de nenhum local para coleta de produtos somente para descarte de baterias.


Como tudo no Brasil ainda não foi para frente, nem fiquei muito surpresa com o retorno...