quinta-feira, 30 de abril de 2009

Catástrofes Online

Aproveitando a onda da gripe suína, a Microsoft lança mais uma invenção: um comunicador de mensagens instantâneas destinado para as situações de emergência, como um terremoto ou uma pandemia, por exemplo. Microsoft Vine é o nome do software e no lugar da lista de amigos aparece um mapinha indicando aonde estão acontecendo as calamidades. Além disso, você pode ver a cobertura da mídia sobre o assunto e mapear seus amigos pelo mundo. O engraçado é a propaganda feita pela Microsoft, um vídeo alegre com todo mundo feliz.
No link abaixo, uma demonstração do Microsoft Vine.

quarta-feira, 29 de abril de 2009

Google, uma ferramenta de Deus

E por falar em Twitter, uma das pessoas que sigo postou um link muito interessante, o mapa dos casos de gripe suína, by Google Maps. O negócio é simplesmente fenomenal! São todos os casos já confirmados no mundo inteiro e quando você clica no ponto aparece a descrição de quem é (sexo e idade) e como contraiu (se veio do México, por exemplo). É impressionante a precisão dos dados e a rapidez da atualização, só pode ter algo de divino nisso. Vale a pena conferir.

terça-feira, 28 de abril de 2009

Twitter pode deixar pessoas insensíveis, diz estudo

Pesquisa afirma que cérebro precisa ‘processar’ informações. Sem isso, pessoas podem se tornar indiferentes a sofrimento humano.

As breves e constantes atualizações disparadas pela TV e internet – em sites como o Twitter e agregadores de notícias -- podem reduzir a moral das pessoas, além de torná-las indiferentes ao sofrimento humano. A informação pertence a um estudo da University of Southern California, divulgado nesta terça-feira (14) pela CNN.

De acordo com a pesquisa, esse tipo de notícia é muito rápida para ser processada pelo “ritmo moral” do cérebro, podendo assim prejudicar o desenvolvimento emocional dos jovens. Isso porque antes de o cérebro “digerir” completamente a angústia e sofrimento de uma história, ele já é bombardeado por novas informações.

“Se as coisas acontecem de maneira muito rápida, é possível que a pessoa nunca experimente por completo as emoções relacionadas ao estado psicológico de terceiros. Isso teria implicações para a moral”, afirmou a pesquisadora Mary Helen Immordino-Yang, segundo a CNN. A pesquisa será divulgada oficialmente na próxima semana na “Proceedings of the National Academy of Sciences Online Early Edition”.
Para chegar às conclusões do estudo, os especialistas analisaram como voluntários responderam a histórias reais selecionadas para estimular a admiração por virtudes e habilidades, além de compaixão por dores físicas e sociais. A análise cerebral mostrou que eles responderam rapidamente a sinais de dor física nos outros, mas levaram mais tempo para manifestar admiração e compaixão.

“Para alguns tipos de pensamento, especialmente decisões morais relacionadas a situações psicológicas e sociais envolvendo terceiros, precisamos de tempo suficiente para refletir”, disse Immordio-Yang.

De acordo com ela, o estudo questiona o custo emocional, principalmente entre os mais jovens, do uso intensivo de serviços via TV e internet de constante atualização. “Precisamos entender como a experiência social molda as interações entre o corpo e mente, para que possamos assim educar cidadãos com uma moral fortalecida.”
Fonte: site G1

quinta-feira, 23 de abril de 2009

Debaixo da batina

Presidente paraguaio tem seis filhos bastardos, diz ex-beata

Damiana Morán, 39, a terceira mulher a denunciar que tem um filho com o ex-bispo e atual presidente do Paraguai, Fernando Lugo, afirma que o líder é pai de, ao menos, seis crianças. Em 15 dias, Lugo recebeu três acusações de paternidade, tendo já assumido um filho na semana passada. Segundo Damiana, um advogado do presidente disse que Lugo irá assumir o filho de um ano e quatro meses com ela.

"Formamos um grupo de trabalho para administrar todos os casos de paternidade [relacionados a Lugo]. Até o momento, já temos notícia de que existem seis casos", disse Morán em entrevista coletiva.
Morán explicou que a ideia de formar o grupo surgiu em conversas com responsáveis da Secretaria da Infância e da Adolescência e da Secretaria da Mulher. Segundo a mulher, as encarregadas das duas secretarias, Liz Torres e Gloria Rubín, "têm plena consciência sobre a necessidade de se esclarecer tudo para que Lugo possa governar".
"Nós, as mães, temos que nos unir e não agir separadamente, para evitar um maior desgaste na figura do presidente", disse Morán, que conheceu Lugo quando era coordenadora da Pastoral Social da Diocese de San Lorenzo.
Damiana Morán, diz ter começado a relação com Lugo há cinco anos, e a intensificou durante a campanha eleitoral que levou o ex-bispo à Presidência, em abril de 2008. Lugo ocupou o posto de bispo de San Pedro (400 km ao norte de Assunção) até 11 de janeiro de 2005, mas manteve o hábito religioso até 18 de dezembro de 2007, quando renunciou para se candidatar à Presidência.

Histórico

Na semana passada, Lugo reconheceu como filho o menino Guillermo Armindo, de dois anos, fruto de um relacionamento com Viviana Carrillo Cañete.
A admissão pública da paternidade estimulou uma segunda mulher, Benigna Leguizamón, ex-funcionária da diocese de San Pedro, a exigir que Lugo reconheça o filho Lucas Fernando, de seis anos.
A titular da secretaria da Mulher, Gloria Rubín, estimou que podem surgir novos casos e pediu a Lugo que esclareça toda a situação.
Fonte: Folha Online
E a arquidiocese excomungando médicos que fazem abortos em crianças de nove anos vítimas de estupro...

sexta-feira, 17 de abril de 2009

Anjos do metrô

Foi descendo a escada na estação Sé que ouvi a cantoria. Olhei para o lado e lá estavam os anjos. Eles cantavam e seguravam uma plaquinha que dizia: "Deixe a esquerda livre para a circulação". Não consegui ouvir bem a música, mas com certeza tinha o objetivo de lembrar às pessoas de ter um pouco mais de educação e deixar a esquerda livre enquanto estiver na escada rolante para os mais apressados passarem. Gostaria de ter tirado uma foto dos anjos cantores para complementar este post, mas não tive tempo. As pessoas nem prestavam atenção ou olhavam com uma cara de ponto de interrogação. Afinal, o que aqueles anjos cantores estavam fazendo ali? Fui a única ao meu redor que saí com um sorriso no rosto, um sorriso que os anjos cantores arrancaram às oito horas da manhã de uma sexta-feira friorenta.

quinta-feira, 16 de abril de 2009

O BBB dos cozinheiros

Foi ontem mesmo, quando estava reunida com pessoas que pouco vejo, pessoas que durante muito tempo fizeram parte da minha vida, mas que a própria vida as colocou em rumos diferentes do meu. Lá estávamos, em um encontro inusitado, meio sem querer, meio sem combinar. Cheguei, depois de dar trezentas voltas no quarteirão para encontrar um lugar para estacionar, acabei com o carro no estacionamento de uma loja de homeopatia, já fechada por causa da hora.
Quase todos já tinham chegado, a mesa estava grande, e todas as cabeças se viravam para o lado direito, na direção da TV, na direção do jogo. Uma delas, que estava de costas lamentou por não conseguir ver o jogo e apontou para a TV no outro canto do bar, um pouco acima da nossa mesa. Olhei, olhei de novo, meio sem entender o que estava passando lá. Até que sopraram: "É o BBB da cozinha". Isso mesmo, lá, bem acima das nossas cabeças podíamos ver todo o movimento da cozinha!!! O que eles preparavam, as comidas, o chão, o fogão, tudo. Nunca vi isso em toda minha vida. Um bar que deixa sua cozinha ali, pra quem quiser ver cada etapa da preparação da sua picanha no rechaud. Logo mais abaixo estava o caixa, com uma plaquinha que dizia: "Visite a nossa cozinha", dispensável, a não ser que as imagens transmitidas eram de uma cozinha inventada.

quinta-feira, 9 de abril de 2009

Por que eles não entendem?


Alguém já pensou em lançar uma cartilha com os fundamentos básicos para se entender uma mulher? Ela deveria ser escrita na linguagem masculina para realmente fixar as ideias mais importantes na cabeça dos homens. E não estou me baseando apenas em experiências pessoais, são histórias que ouço todos os dias de amigas, das amigas de amigas, familiares e colegas de trabalho.


Os acontecimentos até que são diferentes, porém os desfechos e as reações parecem combinadas, tal a similaridade entre elas. Ah, mas aí, os meus queridos leitores irão pensar: "Claro, as mulheres também não entendem os homens e se fizessem certo, não haveria nenhum desfecho desse". Ok, eu até concordo nesse ponto. A gente erra também, também fazemos coisas incompreensíveis e agimos fora do senso de realidade os homens. Mas aprendemos. Percebemos que daquele jeito ele não gosta ou não é o certo e tentamos não fazer da próxima vez.


É aqui que a mente masculina falha. Eles parecem que possuem uma fraqueza na capacidade de aprendizado. Podemos dizer dez vezes que não gostamos disso ou daquilo, ou do jeito que ele fala e são trinta vezes que eles irão fazer igual. Por que depois de uma briga, todos eles (nunca ouvi falar de uma exceção), não conseguem pedir desculpas? Por que nos ligam no dia seguinte e fingem que está tudo normal e que absolutamente nada acontecem no dia anterior? Pois saibam, odiamos isso. Encarem a situação, resolvam o problema, peçam desculpas se necessário, que orgulho é esse, que vale mais do ficar tudo bem?


Parece que falta muito para que os homens cheguem nesse nível de compreensão. Realmente, se a mulher não vier com manual, estaremos todas fadadas a lidar com situações como essa. Nem aqueles e-mails que circulam por aí, do tipo: "O que ela quer dizer quando diz...", funcionam. Nem os gays atingiram a compreensão parcial da mulher, eles são mais sensíveis, mas só. Por isso, fica aqui a minha disposição em colaborar com qualquer mulher que tome a iniciativa em escrever a tal da Cartilha Prática para o Entendimento Superficial do Universo Feminino.

quarta-feira, 8 de abril de 2009

As mais lidas

Não foi só hoje que reparei no ranking das reportagens mais lidas da Folha Online. Eles mantêm um quadradinho lá no canto esquerdo da página e classificam as matérias como as as mais lidas, as mais curiosas e as mais enviadas.




Sempre que entro, a reportagem que figura no topo do ranking é a mais esdrúxula possível. No dia 03 de abril era: "Para BBBs, Max foi o participante que mais mudou no programa". Quem a leu adquiriu diversas informações úteis que irá levar para sempre em sua bagagem cultural....


Já na segunda-feira, pudemos ver que o pessoal está mesmo preocupado com o que Jesus anda aprontando após seu flash-caso com Madonna, "Jesus da Madonna dança funk e se diverte no Rio". Caso ele ainda estivesse com ela, Madonna não precisaria nem se preocupar: várias pessoas estariam "olhando" por ele por aqui. Ontem, pudemos perceber que os leitores da Folha Online estavam muito preocupados com o Luciano Huck, já que a primeira colocada era sobre uma reclamação do apresentador sobre um quadro do Domingão do Faustão e a segunda sobre um aluno da escola pública de Minas Gerais que ganhou o soletrando, mas com uma gafe de Luciano Huck. Sobre o terremoto na Itália e as centenas de mortos e desabrigados, ninguém quis saber.




Fico triste em saber que as pessoas têm o acesso à informação, podem usar a internet, têm acesso ao site da Folha Online (que possui conteúdo infinito e para todos os gostos) e ainda assim perdem seu tempo lendo matérias fúteis que não levam a lugar nenhum e que não permitem aprender nada, absolutamente nada (no máximo, como escrever "confinamento"). Fico imaginando como a Folha tem coragem ainda de deixar esse ranking brilhar no canto esquerda de sua tela.

terça-feira, 7 de abril de 2009

Amei!

A história é o máximo. Obrigada novamente, Tas, pelas histórias incríveis que fico sabendo pelo seu blog!

Um filipino não sabia como pedir a namorada em casamento. Recorreu a Neil Gaiman, um autor inglês de histórias em quadrinhos e romances e muito acessível (pode-se mandar e-mails que ele responde). O filipino combinou com o autor que em determinada noite de autógrafos, ele levaria o livro para autografar junto com a namorada e Neil se encarregaria de "a pedir em casamento" através da frase escrita no livro. Sensacional! Veja como foi o pedido no vídeo abaixo.
video


Ou leiam mais no Blog do Tas.

Blog do Tas

segunda-feira, 6 de abril de 2009

Usar Orkut e Twitter no trabalho aumenta produtividade, diz estudo


Redes sociais como o Twitter e o Facebook podem ajudar no desempenho dos funcionários em empresas. É o que afirma um estudo australiano que mostra que navegar na internet para diversão enquanto se está no escritório aumenta a produtividade. Segundo a agência de notícias Reuters, a pesquisa da Universidade de Melbourne mostrou que pessoas que usam a internet por razões pessoais no trabalho são cerca de 9% mais produtivas que aquelas que não usam.

O autor do estudo, Brent Coker, do departamento de administração e marketing da instituição, disse que "as pessoas precisam sair um pouco do trabalho para trazer de volta a concentração necessária para suas atividades". "Paradas rápidas, como para uma rápida navegada na internet, faz com que a mente descanse, o que posteriormente a torna capaz de se concentrar mais durante o trabalho e, como resultado disso, a produtividade aumenta", afirma Coker. Ele diz que as empresas costumam gastar muito dinheiro em programas para bloquear sites de vídeo, de compras e de relacionamento, com o pretexto de que isso custa muito em perda de produtividade. "Mas as coisas não acontecem sempre desta maneira", diz o autor, complementando que as pessoas que foram analisadas navegavam por estes sites com moderação durante o horário de trabalho, por cerca de 20% de todo período.
Fonte: Folha Online

sexta-feira, 3 de abril de 2009

Atitudes

Ela vinha caminhando pela calçada suja, com pedaços de plásticos e papéis no chão. Todos os dias a calçada estava assim, moradores de rua se refugiam por lá durante a noite e deixam o local imundo quando se levantam. Além do mais, é próximo a uma lixeira, daquelas grandes em frente aos prédios, aonde colocam os sacos para o lixeiro levar. De repente, ela pisa em um círculo de plástico, enrosca um pé, enrosca o outro, fica com as duas pernas presas e quase desaba no concreto. Sorte que seus reflexos estavam bons e consegui se livrar rapidamente da "armadilha".
Ela não xingou, não demonstrou qualquer sinal de aborrecimento. Simplesmente, pegou o círculo e o depositou na lixeira que estava um pouco atrás. Continuou seu caminho, como se nada a tivesse atrapalhado. São atitudes como essa que nos fazem pensar que o mundo ainda tem jeito. Elas nos enchem o peito de esperança e nos conforta porque sabemos que mais alguém está lá, na luta a favor de um mundo melhor.
*Claro que às vezes exageramos na nossa exaltação da cidadania, como quando gritamos no meio do vagão para o imbecil largar a porta que estava segurando para os demais entrarem. Ele manda a gente ir de táxi que é mais rápido e em nós fica aquele grito contido com vontade de dizer que de táxi é melhor mesmo porque não nos depararíamos com gente tão mal-educada quanto ele...

quinta-feira, 2 de abril de 2009

Mentirinha

Você é mentiroso? Não? Sempre diz a verdade? Mentira! Segundo pesquisadores, aqueles que se consideram os mais sinceros do mundo, mentem pelo menos a cada 8 minutos. E tem mais, os maiores mentirosos são aqueles que têm mais contato social, como vendedores, médicos, advogados, psicólogos e jornalistas (ih...). Mentimos porque faz bem para nós, nos ajuda, nos deixa com uma imagem melhor e quando mentimos para nós mesmos, permitimos que essa mentira nos faça aceitar o comportamento indevido que tivemos.
Você já percebeu que quando contamos uma mentira muito boa, acabamos nos convencendo de que aquilo realmente é a verdade? A mentira já está inclusa nos estudos científicos do cérebro e considerada uma doença, os mentirosos natos possuem 22% a mais de massa branca na região pré-frontal do cérebro, relacionadas à tomada de decisão e discernimento, do que os "mais sinceros".
Podemos até nos denominar pessoas sinceras, mas quem ainda não mentiu hoje? Aposto que se divertiu com a mentira que contou para os seus amigos ontem. Afinal, somos humanos.